Atuação dos Observatórios é tema no programa “Como Será?” da TV Globo

Publicado para | Secundário em 05 de agosto de 2018 11:30

Na manhã deste sábado (04), a partir das 7h, o programa nacional da TV Globo “Como Será?”, conhecido pela  apresentação da jornalista Sandra Anemberg e agora com mediação de Michelle Loreto, exibirá uma reportagem pela série “Além do Voto” mostrando instituições e voluntários que ajudam a fiscalizar gastos públicos. São os Observatórios Sociais do Brasil. A reporter Mariane Salerno fez uma chamada direto de Itajaí – SC, cidade onde foi constituido um dos primeiros observatórios sociais do Estado e do país. CLIQUE AQUI e confira.

Sobre o Como Será?

Como Será?, parceria do Jornalismo e da área de Responsabilidade Social da Globo com a Fundação Roberto Marinho, tem como objetivo compartilhar com o público experiências transformadoras, exemplos de cidadania e colaborar para a construção de um futuro melhor ao tratar de maneira integrada temas como educação, ecologia, mobilização social, trabalho e inovação. É um espaço para apresentar, conhecer e incluir pessoas e ideias, que conta com a interatividade como grande aliada.

Na Rede Globo, o programa “Como Será?” é exibido das 7h às 9h.

Apresentação Michelle Loreto

As exceções ficam por conta das afiliadas que apresentam conteúdo regional. Rio Grande do Norte (Inter TV-RN), Bahia (Rede Bahia), Sul de Minas e parte do interior paulista – região de Campinas, Ribeirão Preto e São Carlos – (EPTV) continuam exibindo o programa às 6h.

No Maranhão (Rede Mirante), Espírito Santo (Rede Gazeta-ES), parte do interior e do litoral paulista (TV Tribuna e TV Diário) e do interior de Minas Gerais (Rede Integração), o Como Será? passa a entrar no ar às 6h30 da manhã.

Os programas também são reprisados na GloboNews e no Canal Futura, aos domingos, às 06h05 e às 15h, respectivamente.

Saiba mais em www.comosera.com

Veja outras publicações das mesmas tags:

Mantenedores

ObservatórioSocial do Brasil - Sorocaba

O OSB Sorocaba é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos, parte de uma rede de organizações democráticas e apartidárias do terceiro setor. A Rede OSB é formada por voluntários engajados na causa da justiça social e contribui para a melhoria da gestão pública de nossa cidade.